Caixa inicia pagamento de parcelas do Bolsa Família de outubro!

Pagamento do Bolsa Família e Novidades para os Beneficiários

A Caixa Econômica Federal deu início ao pagamento da parcela de outubro do Bolsa Família renovado, introduzindo um benefício adicional para mães com bebês de até seis meses, denominado Benefício Variável Familiar Nutriz. Este acréscimo visa garantir a nutrição das crianças, representando um investimento de R$ 14 milhões para 287 mil mães neste mês.

Além disso, as famílias afetadas por chuvas e ciclones extratropicais no Rio Grande do Sul e Santa Catarina, bem como as impactadas pela seca no Amazonas, receberão o pagamento antecipadamente, independentemente do Número de Inscrição Social (NIS).

Com a introdução dessas mudanças, o Bolsa Família agora contempla um valor médio de R$ 688,97, elevando o mínimo para R$ 600. No total, 21,45 milhões de famílias serão beneficiadas neste mês, totalizando um gasto de R$ 14,67 bilhões, conforme informações do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome.

Regras e Atualizações do Programa

Desde julho, a integração dos dados do Bolsa Família com o Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) está em vigor, resultando no cancelamento de benefícios para famílias que excedem as regras de renda. Além disso, políticas de busca ativa e reestruturação do Sistema Único de Assistência Social (Suas) levaram à inclusão de 241,7 mil famílias no programa em outubro, totalizando 2,39 milhões desde março.

Uma regra de proteção, em vigor desde junho, permite que famílias cujos membros obtenham emprego e aumentem sua renda recebam 50% do benefício por até dois anos, desde que o rendimento de cada integrante não ultrapasse meio salário mínimo. Cerca de 2,1 milhões de famílias estão abrangidas por essa medida neste mês, com um benefício médio de R$ 377,42.

Uma atualização significativa no programa é a liberação automática das parcelas desbloqueadas, evitando que os beneficiários tenham que se dirigir a uma agência para realizar o saque. Cerca de 700 mil parcelas retroativas serão liberadas neste mês, totalizando aproximadamente R$ 278 milhões em valores desbloqueados.

Auxílio Gás e Prioridades do Programa

Além disso, as famílias cadastradas no Cadastro Único com Número de Inscrição Social (NIS) final 1 receberão o Auxílio Gás, totalizando R$ 106, em virtude das recentes reduções no preço do botijão. Este programa, que prioriza mulheres que desempenham o papel de provedoras familiares e vítimas de violência doméstica, beneficia aproximadamente 5,3 milhões de famílias e está planejado para vigorar até o final de 2026.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *